5ª Celebração Eucarística - Novena de Santa Rita de Cássia

5ª Novena - 19 de Julho de 2016

Tema : "Santa Rita de Cássia, nos ensine a viver a vontade plena do amor de Deus"

Celebração Eucarística - Pe Antônio Eduardo - Santuário Nossa Senhora Da Lapa - Vazante

Liturgia - Santuário Nossa Senhora Da Lapa - Vazante

Música - Ministério Resgate - Vazante

O Amor de Deus está na origem do mundo: Deus criou o mundo por amor. São João (3,16) nos diz que Deus amou tanto o mundo que nos deu Jesus, seu Filho Unigênito.

O Amor de Deus transforma a vida da Pessoa e lhe dá segurança. Aqui entendemos de onde Santa Rita de Cássia tirou forças para permanecer firme na fé e ter tanta firmeza e segurança diante das provações: no Amor de Deus.

Ela se sentia amada por Deus:

- Quando, decidida a se consagrar a Deus pela vida religiosa, se viu diante do pedido dos pais para que se casasse... Santa Rita sentiu que Deus, em seu Amor, tinha um propósito para ela através desse desejo de seus pais;

- Quando teve dificuldade com as atitudes grosseiras impregnadas no marido envolto nas brigas de famílias pelo poder, Rita apegou-se ao Amor de Deus, buscando força para superação;

- quando viu o marido assassinado, sozinha com os filhos, Rita não se desespera porque se sente amada por Deus, sabe que não ficará desamparada;

- Rita foi capaz de, com firmeza e segurança, orientar os filhos para que não alimentassem o desejo de vingar a morte do pai. Ela, que se sente amada por Deus, sabe que Deus pede que amemos até os inimigos, por isso o perdão deve ser concedido sempre;

- com a morte dos filhos, Rita se viu sozinha no mundo. Mas não sentiu menos amada por Deus, pelo contrário, o Amor de Deus a impeliu a ir em socorro dos parentes de seu falecido Marido para zelar dos que tinham sido abandonados à própria sorte por ter contraído a febre da peste que assolava aquela região.

A exemplo de Santa Rita, precisamos aceitar e experimentar em nossa vida o Amor de Deus, pois nos sentindo amados por Deus seremos mais fortes e perseverantes mesmo nas provações. Pois, teremos certeza de que: “Tudo concorre para o bem dos que amam a Deus” (Rm 8,28).

Fonte: Site http://santuariosantaritagmor.com.br